Proteção Química

Exibindo todos 8 resultados

Encontre os EPIs certos para garantir a proteção do trabalhador durante as atividades profissionais. Roupas de proteção química para garantir a proteção contra produtos químicos ou substância químicas que possam prejudicar a saúde e segurança do trabalhador.

Dentre os agentes mais perigosos para a saúde do trabalhador, sem dúvida estão os riscos químicos. Isso porque são capazes de gerar diversos acidentes e/ou doenças ocupacionais se não for utilizada uma Proteção Química adequada.

Produtos como os que você vê nesta página são fundamentais para proteger o trabalhador destes riscos e proporcionar que o desempenho das atividades seja em segurança. Isso também irá promover a produtividade dos trabalhadores, já que saberão que estão atuando de maneira protegida.

No entanto, como escolher os equipamentos de Proteção Química corretos? Para isso é necessário um pouco de conhecimento – seja dos riscos químicos, seja do ambiente e das atividades que serão desenvolvidas, seja dos equipamentos corretos e mais adequados.

E isso é muito mais importante do que imaginamos, já que os riscos químicos estão presentes em muitos ramos e atividades empresariais. Podendo ser na forma líquida, sólida ou gasosa, é essencial eliminar ou atenuar os agentes de risco para uma boa Segurança do Trabalho.

Se você deseja saber mais sobre a Proteção Química e os principais produtos que a envolvem, fique ligado nesta página!

O que é a Proteção Química?

Proteção Química é como chamamos o conjunto de Equipamentos de Proteção Individual feitos para proteger o trabalhador contra os diversos riscos químicos que podem existir em um ambiente de trabalho.

Cada um destes equipamentos que você vê mais acima nesta página, está incluso nesta categoria. Isso significa que possuem certificação e comprovação de que são resistentes a agentes químicos e por isso oferecem proteção ao trabalhador neste sentido.

Os riscos químicos podem ser encontrados de maneira sólida, líquida ou gasosa e de cada uma dessas formas, haverá algumas outras definições. Vamos ver alguns exemplos para melhor entendimento:

  • Risco químico sólido: exemplo – poeiras provenientes de carvão, grãos, poeira da madeira, entre outros;
  • Líquido: neblinas, como por exemplo aquelas que saem dos sprays utilizados em serviços de manutenção e pinturas;
  • Gasoso: vapores ou gases – podemos usar como exemplo o oxigênio ou o hidrogênio.

EPIs mais comuns para a Proteção Química

São muitos os EPIs necessários em um ambiente com riscos químicos. Essa lista irá variar de ambiente para ambiente, de atividade para atividade e por isso não podemos afirmar quais são os equipamentos necessários para cada situação. 

Isso irá depender do PPRA, conforme já mencionamos. No entanto, é correto dizer que os EPIs mais comuns para a Proteção Química são: 

Todos estes equipamentos deverão possuir o Certificado de Aprovação – CA que comprova que tenham sido fabricado de acordo com as normas vigentes. Do contrário, não poderá ser considerado um EPI. 

Um dos nomes mais comuns entre os produtos para Proteção Química é o Tyvek – um tecido da marca DuPont. Prestar atenção no fabricante também é bom para ter certeza de estar adquirindo um produto de qualidade. Esta marca você encontra aqui na Prometal EPIs! 

Outro ponto importante é verificar a data de validade do Equipamento (que não é a mesma data do CA). A validade do EPI é fundamental para saber até quando aquele produto poderá ser utilizado sem que sua resistência ou nível de proteção seja afetado.

Por isso, lembre-se sempre de conferir se o EPI está em ótimas condições e dentro do prazo de validade.

TOP
Prometal EPIs